domingo, 1 de abril de 2012

Lideranças do NDG devem se reunir no próximo dia 14


Diante da emergência de se organizar a ação dos profissionais da Educação de Minas, as lideranças do NDG devem realizar uma reunião ampliada no próximo dia 14 de abril, sábado, em Belo Horizonte. A expectativa é de reunir colegas educadores da Capital e do Interior de Minas para planejar e encaminhar as ações dos educadores da base da categoria. O objetivo central é a conquista do piso salarial nacional na carreira dos profissionais da Educação de Minas, que foi burlado pelo governo do estado. Mas outros temas serão também discutidos. Várias iniciativas têm sido propostas por colegas educadores de todo o estado, entre as quais, ações de mobilização e divulgação pública da nossa luta; trabalhos coletivos nas escolas e ações na justiça e junto ao ministério público federal. Ainda não estão confirmados o local e o horário da reunião, que serão anunciados antes do feriado do dia 06 de abril. O transporte para a reunião deverá ser organizado de forma descentralizada em cada região, podendo contar com o apoio das subsedes interessadas em participar. Em breve disponibilizaremos um telefone para contato. Caso haja necessidade de alteração da data, ou mesmo sugestão de outra data, entrem em contato conosco através do e-mail deste blog (ndg.minasgerais@gmail.com). Quaisquer sugestões sobre este encontro podem ser enviadas para o e-mail citado, ou em comentário no blog. Em breve traremos novas notícias sobre esta reunião para dar um importante passo na conquista dos nossos objetivos. Outras informações também poderão ser colhidas em alguns blogs dos educadores de Minas, que são indicados na coluna ao lado.


Força na luta!

20 comentários:

  1. Sugestão: A iniciativa é positiva, focar as ações nos 51 deputados inimigos e no governador e seus secretários.Outdoors gigantes!
    Se possível, desvincular as ações do Sindute, o mesmo está sem credibilidade, principalmente,nas cidades do interior.
    É muito importante ter mãos um parecer jurídico sobre a possibilidade de tonar nula a lei que revogou o Plano de Carreira e ainda, qual o tribunal (MPF? STF?) indicada para receber as ações.

    ResponderExcluir
  2. Estarei no encontro e já estou convidando algumas lideranças importantes de MOC. Basta que confirmem local e hora. Como somos do norte, gostaríamos que a plenária fosse na parte da manhã, para retornarmos à tarde

    ResponderExcluir
  3. João Paulo Ferreira de Assis1 de abril de 2012 21:01

    Prezados companheiros de luta

    Que tal propormos um boicote à novela Avenida Brasil e aos seus patrocinadores?

    Outra ideia é fazer um album sobre a realidade das escolas mineiras: classes multisseriadas, vidros quebrados, banheiros deficientes, rachaduras em prédios escolares, e enviar para o PROJAC uma cópia para cada colega da Débora Falabella. E além das legendas nas fotos, indicando a verdade sobre as escolas em MG, na última página: GOVERNO DE MINAS PAGA PARA PUBLICAR MENTIRAS.

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    Bem vi a noticia da reunião no blog.

    Primeiramente temos que saudar a iniciativa da reunião e colocar que é fundamental que nos organizemos para que possamos derrotar o projeto imposto pelo governo de minas gerais.


    Queremos participar da reunião e veremos como podemos mover as subsedes em que estamos para esta reunião.

    Também posso ver o sindrede como local da reunião. E bem no centro de bh e pode facilitar para as pessoas que virão.

    Seria bom definir uma pauta para esta reunião.

    O primeiro ponto claro, deve ser o piso salarial.

    Gustavo Olimpio

    Movimento Educação em Luta
    CSP CONLUTAS

    ResponderExcluir
  5. Olá, pessoal da luta! Confirmo minha participação, a exemplo da Marly e do Gustavo. outros colegas com os quais conversei recentemente - pela Internet ou por telefone - também confirmaram a participação, entre eles o Rômulo e a Ivete. Acho que será uma boa oportunidade para iniciarmos um processo diferente de organização pela base e de mobilização.

    Um forte abraço a todos/todas e força na luta!

    Euler

    ResponderExcluir
  6. Companheiro Euler, também estarei na reunião.É só marcar local e horário. Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Seria interessante os colegas irem confirmando a presença. A pauta, com certeza terá como eixo: educação de qualidade e Piso Salarial( como atingi-lo a curto prazo)Seria interessante coletarmos fotos -vídeos -destas "maravilhosas" escolas públicas de MG e prepararmos um vídeo para ser divulgado nas redes sociais e encontros com as comunidades. É preciso que as pessoas vejam- parece que o Brasil de repente ficou cego-nosso papel é a busca da verdade, o desvelamento- Mostrar que onde existe sala de informática estas não são utilizadas, devido a burocracia- quando existem.
    Mostrar a péssima qualidade da merenda que é servida nas escolas e que o governo tá nos proibindo de comer( eu , particularmente, não faço uso deste expediente- tomar sopa 15:00 horas é uma aberração!
    Um dos objetivos deste encontro é encontrarmos uma maneira eficaz de expor publicamente para a população a destruição da Escola Pública em MG.
    O texto do Euler é para ser lido/ debatido e questionado- depois serão os vídeos produzidos para serem mostrados nas associações de bairro- os outdoors- a produção de panfletos contra os 51 deputados traidores do povo( arrecadação de dinheiro) nas proximidades das eleições. Mostrar quem é o PSDB em Minas nestas eleições e diminuir o nº de cadeiras nas câmaras e nas prefeituras. Enfim, ações simples mas com efeitos devastadores.

    O tsunami está em curso... quem poderá detê-lo?
    Trabalhadores da Educação uni-vos!

    ResponderExcluir
  8. também estarei presente. DALGIZA

    ResponderExcluir
  9. Mostrem habilidades, sem sair do foco "trabalhar é preciso, ensinar é necessário, receber remuneração digna assegurada por lei, é o mínimo da honestidade do valor humano".P/ quem entende de lei:"Respeite as leis, só assim vc será respeitado"!

    ResponderExcluir
  10. Boa noite pessoal!

    Penso que alé destes pontos, é interessante também avaliar sobre uma verdadeira incursão de vocês do NDG em todas as regiões - micro regiões- de Minas, para mostrar aos Professores e todos trabalhadores da Educação, que eles são ferramentas necessárias à conquista do reconhecimento da profissão, e que vocês do NDG estão levando uma nova proposta de luta, pela base, horizontalmente, sem parceiros ou bandeiras políticas, etc.

    Ao formar este novo grupo com novas diretrizes e perspectivas, o NDG, assume uma responsabilidade de ser melhor, mais eficiente, transparente, organizado e capaz de aglutinar os educadores novamente, sem demagogias!
    Não se trata aqui, de divulgar um "novo sindicato", mas levar a todos os trabalhadores em educação, em todos os cantos de Minas, nos "rincões mineiros", um novo propósito.
    Falta participação porque o braço do sindicato não chegou, não chega em todos os cantos de Minas. Isto é fato, não há como negar.
    Por que há tantas escolas "desconhecidas" pelo movimento do sindicato? Por que há tantos Professores desprotegidos, impelidos de argumentar e de aglutinar colegas? Por que tanta distância de um braço forte que faça os educadores se sentirem protegidos e amparados?

    Penso que, assim como na minha região, em muitas outras regiões também, há muito discrédito dos educadores porque o sindicato não aparece nunca, a não ser como fez aqui durante as greves: aparece alguém com uma camiseta partidária em nome do sindicato, faz uma "rápida reunião com alguns professores, pede e recolhe novas filiações e vai embora, desaparece", nem mesmo visita alguma escola.
    Isto faz com que os colegas digam que "nem sabia que estava em greve!Está?"

    Quantos colegas não se sentiram enfraquecidos com estas palavras durante a última greve?

    Força na luta pessoal, vamos em frente!

    Antônio Carlos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque o sindicato quer o menos possível de participantes a serem conduzidos como gado.

      Excluir
  11. E OS OUT DOORs???????????

    ResponderExcluir
  12. O anônimo que gosta de um outdoor, já confirmou sua presença na reunião do NDG para expor suas ideias? Ou vai ficar esperando as pessoas agirem por você?! Que feio é essa postura, ainda mais de quem se diz educador!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou do interior, não tenho condições de participar da reunião.
      E de agora em diante não cobrarei mais a colocação dos OUT DOORs.

      Sindicato para nos defender nós já não temos e, expressar nossas ideias, pode?

      Excluir
  13. Concordo com o colega que quer Out Doors, em termos:

    No final do ano não podia porque os espaços estavam todos alugados para Natal etc., segundo o sindicato.
    Agora já está passando da hora de fazê-los, aos montes, em toda Minas! O governo nos ataca de todas as formas, precisamos evidenciar estes ataques e expor sua ineficiência administrativa.
    Mas quem deve executar isto é o SindUte, e não o NDG!
    Até porque, dinheiro agora o sindicato tem! Viram só o desconto desse mês?

    Talvez, o colega faltou explicar: "E os OUT DOORS, vamos cobrar do SindUte????????"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O SINDICATO ESTÁ CHEIO DA GRANA, MUITO DINHEIRO MESMO...

      Excluir
  14. Gente,justiça seja feita.Vocês sabiam que este imposto sindical que pagamos (todas as categorias de trabalhadores) é o governo federal que impõe e que nada deste dinheiro vai para os sindicatos?Ninguém sabe para onde ou para quem vai este dinheiro,para os sindicatos é que não é.Deveríamos investigar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ler isto aqui neste blog é de doer as vistas. O NDG/MG não sabe para onde vão os recursos apurados na cobrança deste imposto sindical???

      Excluir
  15. Não sabe mesmo...este imposto não é a taxa que pagamos pela filiação.Procure esclarecer melhor.

    ResponderExcluir
  16. Estou pagando prá ver até quando vai aguentar este NDG.Por enquanto foi só balela.Sete meses de lero-lero,atitude,nenhuma.Falar do sindeute é fácil,fazer o que ele faz é que é difícil.Até torço para que consigam alguma coisa pois também serei beneficiada.MAS NÃO CONFIO!!!!

    ResponderExcluir